Últimas Novidades

22/01/2014 01:27:12
Projeto vai contar quantas árvores a cidade tem
Trabalho envolve estudo completo de cada espécime plantado no Centro
Fonte da imagem: Tadeu Campolino da Silva

A Fundação Municipal do Meio Ambiente de Florianópolis (FLORAM) começa em fevereiro a fazer um levantamento para saber quantas árvores a cidade tem em suas vias públicas.  O estudo quantitativo do patrimônio arbóreo do município será precedido por um censo completo das árvores existentes nas ruas e praças do Centro.

O ‘Inventário de arborização pública das ruas do centro de Florianópolis’ vai definir quantas são, de que espécie, de que forma estão distribuídas, qual sua interação com o entorno e qual a situação dendométrica (altura, diâmetro do tronco, diâmetro da copa etc.) e fitossanitária de cada árvore – uma por uma – que ocupa cada via pública da região central. Os dados constarão de um cadastro informatizado que será integrado ao sistema de georreferenciamento da Prefeitura.

O recenseamento poderá estender-se a outros bairros. Mas o levantamento quantitativo será feito apenas mediante a análise de imagens aéreas.
 
O trabalho será desenvolvido pelo engenheiro agrônomo Jarbas Prudêncio Júnior, chefe de monitoramento da Diretoria de Licenciamento Ambiental da FLORAM, com consultoria de Demóstenes Ferreira da Silva Filho, professor da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), da Universidade de São Paulo.

“Vai ter custo zero para a Prefeitura”, destacou o superintendente da Fundação, Volnei Ivo Carlin, pois o estudo será custeado sob a forma de compensação ambiental do projeto de uma grande empresa. O censo deve estar pronto em seis meses e vai utilizar uma dezena de técnicos, divididos em três equipes. 

“Com as informações nas mãos, podemos fazer um planejamento da arborização da cidade”, disse o engenheiro agrônomo da FLORAM.
Fonte do texto: SEC - Meio Ambiente

Autor:
Clima
Ondas

Bela Floripa © 2013 - Todos os direitos reservados