Últimas Novidades

17/02/2015 18:20:44
Pop Gay 2015 foi celebração da beleza, alegria e igualdade em Florianópolis
O público de 20 mil que se reuniu na Praça Fernando Machado, no Centro da capital catarinense
Fonte da imagem: DC

Com seus 22 anos, o Pop Gay se tornou uma tradição do Carnaval florianopolitano tão esperada e indispensável quanto o Desfile das Escolas de Samba e a folia do Bloco dos Sujos. O público de 20 mil que se reuniu na Praça Fernando Machado, no Centro da capital catarinense, pareceu nem perceber quando a chuva caiu forte, de tão envolvidos que estavam na alegria do momento.

Antes das candidatas ao Concurso subirem ao palco, quem animou a noite foi o som da Funkzilla e a irreverência das apresentadoras Selma Light, Silvetty Montilla e Aretuza Lovi. As divas alternavam piadas, nostalgia, cultura pop (quem ainda não conhecia, descobriu o sucesso do Youtube Um beijo), interações com os dançarinos e mensagens muito sérias, relacionadas principalmente ao uso da camisinha. Selma Light se emocionou ao ser homenageada por seus 13 anos de Pop Gay, em um momento que pegou a todos de surpresa.

Outro aspecto que mostrou a evolução do Pop Gay nessas duas décadas foi o altíssimo nível das produções das 22 competidoras do Concurso nas categorias Drag Queen, que avalia fantasia, caracterização e desfile, e Beauty Queen, que avalia beleza, fantasia e desfile. E quando o nível é profissional, experiência conta mui as ganhadoras de 2014, Elektra e Fabrícia Ferreira, repetiram o feito e foram as favoritas dos jurados em 2015. Mas certamente foi uma disputa acirrada, porque o que não faltou foi criatividade e perfeição a cada nova candidata a subir ao palco. Veja com seus próprios olhos em nossa 
galeria de fotos.

Mas transformação não é uma exclusividade das Drags: tudo que era simpatia no camarim de Wanessa, se converteu em sensualidade no palco. A estrutura do show incluía dançarinos — que em certos momentos quase que se fundiam com a cantora —, banda, figurino alinhado com a noite e atenção a todos os detalhes, não deixando nada a desejar. A intérprete cantava sucessos em português e inglês, transformando a Praça em uma grande balada LGBTS ao ar livre.

Fonte do texto: ClicRBS / DC

Autor: Postado por Annabarbara
Clima
Ondas

Bela Floripa © 2013 - Todos os direitos reservados