Últimas Novidades

30/01/2016 15:46:17
Carnaval: Ribeirão da Ilha vai ter seu Zé Pereira
Evento ocorre no domingo, a partir das 9 horas
Fonte da imagem: Ana Carolina/PMF

A Prefeitura vai trabalhar para que a população do Ribeirão da Ilha não fique este ano sem o Zé Pereira, evento tradicional e centenário que ocorre às vésperas do Carnaval. O Município vai cuidar de cumprir os trâmites necessários para a realização do evento, como obtenção de autorização para uso de fonte sonora, controle do trânsito e preventivo, controle de tráfego náutico, segurança preventiva, controle de ambulantes, solicitação de ambulância e salva-vidas.

O funcionamento do esquema de segurança, controle do tráfego e do comércio de ambulantes para o dia do evento, que ocorre no domingo (31), já foi acordado, previamente, com as polícias Civil, Militar, Militar Rodoviária, Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros, Marinha e Secretaria Executiva de Serviços Públicos (SESP).  

Em virtude dos impasses até então existentes em relação ao repasse de auxílio financeiro ao “suposto” organizador do evento, a Prefeitura de Florianópolis foi procurada pela rede Angeloni, que se dispôs a arcar com todas as despesas e realizar as contratações necessárias para possibilitar a realização do evento.

A empresa disse não possuir interesse em ter sua marca divulgada, mas apenas o desejo de ajudar financeiramente a festa, oferecendo estrutura de palco (10x8), sonorização, iluminação, 200 metros de grade, segurança e serviço de emergência com ambulância. A empresa arcará ela própria com os custos, não repassando qualquer valor para a Prefeitura de Florianópolis.

Desde o início, a Prefeitura havia se comprometido com o repasse de auxílio financeiro, conforme fosse solicitado pelos bairros para a realização de seus eventos. Era necessário, contudo, que houvesse uma entidade representante que enviasse tal pedido em nome do evento - “Zé Pereira”, no caso - o que não havia sido feito até então. Ou seja, não havia entidade jurídica que assumisse a realização do evento

Mais de 20 entidades e associações organizadas buscaram a Prefeitura para efetuar o pedido de auxílio. Com representantes constituídos, e a documentação necessária para os trâmites em dia, o repasse foi feito - o que não havia acontecido com o evento do Ribeirão da Ilha.

Em anos anteriores, além do auxílio, era oferecida a estes eventos também a infraestrutura necessária – como banheiros, palco, som, iluminação, segurança, gradeamento – algo que teve que ser retirado neste ano, por causa da crise financeira que determinou o corte de gastos nos eventos de Fim de Ano e Carnaval.

Outros eventos tradicionais, como o carnaval de Santo Antônio de Lisboa, da região continental e demais bairros da cidade, estão mantidos.

Fonte do texto: PMF

Autor: SETUR - Carnaval
Clima
Ondas

Bela Floripa © 2013 - Todos os direitos reservados